contato@officinadamente.com.br    (21) 2278-2835   (21) 98869-9542

Contradança

Bem antes de te conhecer, eu já possuía expectativas e imagens essenciais; sem fundamento em crenças, ideologias, eu já sabia que o especial, na vida, se o houvesse (e haveria!), viria dali; encontro ou reencontro, em uma curva deste tempo, em algum ponto onde o impulso pueril...
Leia mais...

O gato e o escuro

O escuro ainda chorava: – Sou feio. Não há quem goste de mim. – Mentira, você é lindo. Tanto como os outros. – Então por que não figuro nem no arco-íris? – Você figura no meu arco-íris. – Os meninos têm medo de mim. Todos têm medo do escuro. –...
Leia mais...

Há tanto jeito de abraçar!

O abraço que eu não posso O abraço que eu não posso te dar. Vai, enfim, na forma de oração; De pensamento Uma porção. Assim, difícil de explicar. Vai valente, pulsante, Vai na corrente de ar. Vai agora, neste instante, Não dá pra segurar. Há tanto jeito de abraçar: O canto, O...
Leia mais...

A minha Lua

A lua me inspira, me acalma e torna a minha respiração mais fluida. Na sua presença o ar é mais puro, tudo parece acontecer com naturalidade num ritmo compassado. A mente se aquieta, silencia e aguarda. O coração toma o lugar da visão e nada mais é visto como ameaçador. A tensã...
Leia mais...

Em tempos de ternura minguada

Ser sensível nesse mundo requer muita coragem. Todo dia. Esse jeito de ouvir além dos olhos, de ver além dos ouvidos, de sentir a textura do sentimento alheio tão clara no próprio coração e tantas vezes até doer ou sorrir junto com toda sinceridade. Essa intensidade toda em tempo...
Leia mais...

Apenas brincando…

Quando me virem a montar blocos A construir casas, prédios, cidades Não digam que estou só a brincar Porque a brincar, estou a aprender A aprender sobre o equilíbrio e as formas Um dia, posso vir a ser engenheiro ou arquiteto. Quando me virem a fantasiar A fazer comidinha, a...
Leia mais...

Namorar! Êta coisa boa!

Namorar é querer estar junto. Junto daquela pessoa que faz o friozinho na barriga chegar, que faz o coração palpitar, que traz colorido e gosto de quero mais. E do marasmo nos faz afastar. Ahhhh, namorar é suspirar! Namorar é trocar brilho no olhar, é se deixar levar sem saber...
Leia mais...

Deus, natureza e o homem

Lembro-me de uma maravilhosa palestra proferida por Daisetz Suzuki, em Ascona, Suíça… e lá estava aquele grupo de europeus na plateia e um japonês, um filósofo Zen – tinha cerca de noventa e um anos na época. Ele ficou em pé, conservando as mãos ao lado do corpo, e...
Leia mais...

Laços

Quando enlaço com o cipó as partes de bambus, para fixá-los na cerca, jamais consigo pensar. Apenas sinto intensa excitação, um certo gozo de harmonia grande, algo que às vezes me faz chorar de alegria: eu sou o laço. E o laço está certo, tão certo como flor… Ao juntar dois...
Leia mais...

Fique bem!

…Sempre ouvi isso, mas para mim soava como se a pessoa que recomenda à outra que fique bem está se eximindo de qualquer responsabilidade por aquela dali para frente. Isso porque me sugeria que enquanto estivéssemos juntos eu estaria bem, mas depois de nos separarmos, eu...
Leia mais...