Home      Quem Somos      Método Aprenda a Aprender      Galeria de Imagens      Contato

contato@officinadamente.com.br    (21) 2278-2835   (21) 98869-9542

CONHECER é RELACIONAL – A experiência e a consciência do corpo

Anotado de Gill, Jerry H.: Learning to Learn: Toward a Philosophy of Education (cap 2), – Ed.:Humanities Press  Internacional, Inc., Atlantic Highlands, New Jersey, pp 39-48, 1993. Como é algo muito próximo, a consciência de ter um corpo geralmente passa despercebida....
Leia mais...

CONHECER é RELACIONAL – A experiência na perspectiva pós-crítica

Na semana passada apresentamos a a dança como uma metáfora para compreender o processo de conhecer. Esta imagem é derivada inicialmente de alguns comentários no prefácio do maior trabalho de Merleau-Ponty que é o livro Fenomenologia da Percepção. Ao discriminar o seu enfoque, ele...
Leia mais...

CONHECER COMO DANÇA: Uma metáfora

Ao aproximar as visões de Whitehead, Dewey, Freire e Rogers sobre o conhecimento, Gill entende que, suas contribuições mais valiosas, vão no sentido de reforçar a necessidade de ver a atividade cognitiva como deve ser vista; mais do que uma mera assimilação ou uma recepção...
Leia mais...

Uma síntese dos conceitos de conhecimento

Faz algumas semanas iniciamos esta série de posts apresentando o livro “Learning how to learn: Toward a Phylosophy of Education” de Jerry H. Gill. Como já diz o título, o objetívo do autor é  propor uma modelo de base filosófica para compreeender o processo educacional. Na...
Leia mais...

O CONHECIMENTO segundo CARL ROGERS

Nas últimas semanas trouxemos os conceitos de conhecimento segundo Whitehead, Dewey e Paulo Freire. Hoje, como último autor a discutir o conceito de conhecimento apresentamos a visão de Carl Rogers. Rogers está mais voltado para a definição do papel do professor e de alguns...
Leia mais...

O CONHECIMENTO segundo PAULO FREIRE

Nas últimas semanas trouxemos os conceitos de conhecimento segundo Whitehead e Dewey. Hoje apresentamos este conceito na visão de Paulo Freire. Ao contrário dos pensadores já citados, que exprimem o pensamento da tradição anglo-americana, Freire fala à partir de um contexto...
Leia mais...

O CONHECIMENTO segundo DEWEY

JOHN DEWEY Ênfase na experiência No seu livro Experience and Education, Dewey fundamenta sua teoria da educação na experiência do aprendiz, sendo esta sua origem, objetivo e norma de toda atividade cognitiva. Para ele, a cognição é o meio através do qual o aprendiz responde às...
Leia mais...

O CONHECIMENTO segundo WHITEHEAD

ALFRED NORTH WHITEHEAD: Sua abordagem é geralmente chamada como um processo do pensamento ou de filosofia organicista. Sua primeira preocupação está em enfatizar a interdependência, como uma contínua interação entre os vários aspectos da realidade. O autor usa a metáfora da...
Leia mais...

Em direção a uma filosofia da Educação

Hoje apresento a vocês um livro muito interessante que é um dos meus textos de cabeceira. Aqueles que puderem comprar eu sugiro que o façam. Para os que não puderem no futuro colocarei alguns resumos que considero mais releveantes e que merecem divulgação. Trata-se de “Learning...
Leia mais...

O interesse é o componente emocional da atenção

“A pessoa mais feliz é aquela que tem os pensamentos mais interessantes.” (Timothy Dwight, educador do século XIX) Cultivar interesses é geralmente questão de adotarmos uma postura curiosa e inquisidora. Imagine-se andando numa praia de seixos. Com uma postura curiosa, você...
Leia mais...